sábado, 4 de setembro de 2010

POEMA: A poesia é uma magia sem fim



A poesia é uma magia sem fim,
Ela transforma um simples horizonte
Num mundo dos pássaros que voam.
Transforma o sol que nasce além do monte
No brilho do escuro de uma alma.
Transforma o papel em galhos,
Onde os pássaros vêm e pousam.

Ela faz do poeta um mágico,
Onde suas magias são palavras.
Faz de um simples papel a cartola,
E faz de uma caneta o bastão...



MARCOS LEITE