sábado, 29 de dezembro de 2012

Prefeito Indalécio fala aos professores de Gov. Nunes Freire

Recebi por e-mail:

De Indalécio W. V. Fonseca em 28.12.2012

Professores e Professoras de GNF,

Depois de ter priorizado a Educação deste município e procurado dar aos nossos professores melhores condições de trabalho e razoáveis melhorias salariais, achei que merecia mais consideração por parte dos docentes a quem sempre valorizei. Achei também que igual confiança mereceria. 

Até hoje, acreditei que nossos professores, ao longo destes anos, tinham construído uma mentalidade imune aos interesses puramente políticos e que nunca mais iriam servir de massa de manobra às artimanhas daqueles que sobrevivem do suor e do trabalho alheio. 

Programei tudo para sair com todos os compromissos honrados com a educação e seus educadores. Programei como e quando pagar aos fornecedores; programei como e quando pagar aos profissionais da Educação: tanto a metade restante do décimo, quanto a competência de dezembro. Acontece que houve uma defasagem do repasse do FUNDEB em 2012. Estávamos aguardando esta complementação para saldar todas as pendências salariais. Infelizmente este repasse só acontecerá no dia 31, segunda-feira, data em que pagaríamos a todos os servidores da Educação. 

Como virou epidemia na nossa cidade, a mentira e a calúnia (doenças advindas de Turilândia) contaminou a todos, até aqueles que deveriam ter a capacidade intelectual de filtrá-las. Disseram que a complementação tinha caído; afirmaram que eu a tinha roubado; que eu era irresponsável... etc. Segunda-feira imprimirei o extrato e o postarei. Haverá na conta R$1.263.540,89 (Um milhão, duzentos e sessenta e três mil, quinhentos e quarenta reais e oitenta e nove centavos) como fui informado oficialmente pela FAMEM.

Eu poderia comprovar isto ao juiz e facilmente desbloquear a conta e pagar nesta segunda-feira, através de transferência online, mas como não fui digno de vossas confianças, deixo esta tarefa a cargo de quem vocês confiam: Domingos Curió. Poderia me empenhar em desbloquear a conta e pagar a todos se fosse meu adversário que tivesse agido com tal intuito, mas como foi uma ação do próprio professorado, que seja feito a vossa vontade; eu a respeito. 

Quero dizer aos meus poucos amigos professores que eu estou ferido, mas não estou morto. Vamos voltar a prefeitura; eu não, porque não a quero mais; mas vou colocar Honório lá dentro, e não demora muito. Temos agora o melhor advogado eleitoral do Maranhão e mil provas contra um "bucado" de corruptos e ladrões como o futuro prefeito e seu pai, Domingos Curió, além do chefe da máfia, Josimar Cunha Rodrigues, o devastador da floresta K’Apor. Aliás, falam tanto deste monumento do Índio  Quero dizer que defendo sim, a preservação ambiental e os povos indígenas da nossa região. 

Um abraço a todos!

No próximo ano estarei também em sala de aula. Estou com saudades. Modéstia à parte, sou bom em Química.

Não sabe como comentar? Clique aqui e aprenda, é muito fácil! Também siga o blog do Marcos Leite no Twitter e curta nossa página no Facebook.

AddToAny