sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Iema: Estado oferece mais de 400 vagas para cursos técnicos integrados ao médio em tempo integral

O Governo do Estado abre, neste sábado (12), as inscrições para o processo seletivo para o ingresso de alunos no Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema), que vai oferecer cursos técnicos integrados ao ensino médio e em tempo integral. Lançada na última quinta-feira (10) pelo secretário da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Bira do Pindaré, a chamada pública abriu inicialmente 440 vagas destinadas as unidades plenas do Iema de São Luís, Bacabeira, Pindaré-Mirim. A inauguração e início das aulas já em fevereiro de 2016.

“É mais um grande passo na direção da implantação da rede de educação profissional e tecnológica do Estado do Maranhão, a meta é iniciarmos com as três unidades do Iema. Já estamos com as inscrições abertas para o processo seletivo de alunos, que vem com o diferencial: não será necessário fazer provas. É algo importante que mostra mais uma vez a nossa transparência e nossa postura republicana como recomenda o governador Flávio Dino”, informou o secretário Bira do Pindaré.

Segundo ele, a ordem de classificação do candidato levará em consideração a proximidade do aluno à unidade do Iema. Os jovens da rede pública de ensino serão priorizados. Em porcentagem, a previsão é que 80% das vagas preenchidas por estudantes egressos de escolas públicas, 5% para pessoas com deficiência e 15% pela ampla concorrência.

“É muito fácil fazer uma escola de excelência selecionando os estudantes com o melhor desempenho. Não queremos isso. Queremos garantir a mesma oportunidade para todas e todos. De modo que, o nosso desafio está em fazer uma escola de excelência pegando alunos em diversos níveis de conhecimento”, completou.

As vagas são destinadas para jovens de 14 anos (completos) a 17 anos – completados até 25 de maio de 2016, conforme lei nº 9.394/1996 (LDB), que já concluíram ou estão cursando, em 2015, o 9º ano do Ensino Fundamental em estabelecimentos de ensino devidamente legalizados.

As inscrições podem ser feitas exclusivamente via Internet, no endereço eletrônico http://www.secti.ma.gov.br, período de 12 de dezembro de 2015 a 04 de janeiro de 2016, mediante preenchimento de formulário eletrônico de inscrição.

Para facilitar a inscrição de quem não possui computador, smartphone ou internet em casa, a Secretaria disponibilizará o acesso nas Unidades Plenas dos três municípios para que efetuem a inscrição. As datas e horários serão informadas no início da próxima semana.

Os candidatos deverão ter total disponibilidade de 2ª a 6ª feira para a jornada escolar em tempo integral de 10 horas diárias, das 7h às 17h. Refeições e descanso serão feitos na própria escola. “O estudante concluirá simultaneamente a habilitação profissional técnica e o ensino médio”, explicou o secretário-adjunto de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Jhonatan Almada.

De acordo com o pró-reitor de Pesquisa e Extensão do IEMA, Dario Soares, o resultado do seletivo será divulgado no dia 06 de janeiro e as matrículas iniciadas no dia 11 a 15 do mesmo mês.

CURSOS OFERTADOS


Atenção para a distribuição de vagas. Na Unidade Plena do Iema de São Luís são 160 vagas, distribuídas, de forma igual, entre os cursos de Serviços Jurídicos, Informática, Meio Ambiente e Eventos. Com a mesma quantidade de vagas, a Unidade Bacabeira irá ofertar 80 vagas para o curso de Logística, 40 para Mineração e 40 para Administração. Já o Iema de Pindaré-Mirim são 120 vagas, distribuídas igualmente, entre os cursos de Agropecuária, Recursos Pesqueiros e Serviços Jurídicos. Esta terceira unidade passará por adaptações e, subsequente, terá o número de vagas ampliado.

A escolha dos cursos levou em consideração estudos feitos pelo Instituto de Co-Responsabilidade pela Educação (ICE), que presta consultoria à Secti e é referência na promoção qualificada do ensino em escolas públicas. No critério de escolha foi considerado demandas locais, complexidade para a oferta dos cursos e opinião da população – ouvida em reuniões e audiência púbicas.

A proposta é implantar o Instituto em 23 municípios até 2018, oferecendo à sociedade estrutura para o Ensino, Pesquisa e Extensão respeitando as necessidades de cada locais.

BOX 01

Vagas ofertadas na Unidade Plena de São Luís
Curso de Serviços Jurídicos – 40 vagas
Curso de Informática – 40 vagas
Curso de Meio Ambiente – 40 vagas
Curso de Eventos – 40 vagas

BOX 02

Vagas ofertadas na Unidade Plena de Bacabeira
Curso de Logística – 80 vagas
Curso de Mineração – 40 vagas
Curso de Administração -40 vagas

BOX 03

Vagas ofertadas na Unidade Plena de Pindaré-Mirim
Curso de Agropecuária – 40 vagas
Curso de Recursos Pesqueiros – 40 vagas
Curso de Serviços Jurídicos – 40 vagas

Não sabe como comentar? Clique aqui e aprenda, é muito fácil! Também siga o blog do Marcos Leite no Twitter e curta nossa página no Facebook.

AddToAny